Entre ou Cadastre-se

Blog Dose Exata

Pele no Inverno: Como proteger e principais cuidados

Pele no Inverno

Com a chegada do frio, a preocupação vai muito além de tirar os casacos do guarda-roupa.

Isso porque a pele, os lábios e os cabelos dão sinais claros de que estão sentindo os efeitos das baixas temperaturas, por isso o cuidado com a pele no inverno deve ser redobrado.

Isso inclui a hidratação externa e interna, os cuidados na hora do banho e até com o sabonete que você utiliza.

Nessa estação, a pele fica mais sensível e suscetível a alergias, descamação e desidratação. 

Então, vamos conferir como se proteger do ressecamento da pele no inverno? Vem com a gente!

Como fica a pele no inverno?

No inverno a hidratação da pele fica comprometida, isso porque ela perde mais água, além de sofrer impactos com as baixas temperaturas e com o ar mais seco da estação.

Outra coisa que influencia na desidratação é que tendemos a sentir menos sede no inverno e tomamos água em menor quantidade.

É claro que a pele sente e emite sinais. Inclusive, uma das primeiras coisas que sentimos é o ressecamento dos lábios, que é visível já no primeiro friozinho do ano.

Outros sintomas comuns do que acontece com a pele no inverno são:

  • pele áspera ao toque;
  • incômodo, coceira e descamação que podem surgir em diversas regiões do corpo;
  • aparência opaca;
  • maior propensão a dermatites, psoríase e outras doenças na derme;
  • rosácea ativa por causa das baixas temperaturas e sensação de pinicação no rosto;
  • efeito rebote, deixando a pele mais oleosa para tentar compensar a desidratação.

Como cuidar da pele no inverno? 

É importante montar uma rotina de cuidados com a pele no inverno, que seja adequada a cada tipo de derme.

Já os cuidados gerais são importantes para peles oleosas, secas e mistas. Confira quais são eles!

– Hidratação

Pele no Inverno - como cuidar

Com tudo que falamos acima, você já deve imaginar que a hidratação é um dos cuidados indispensáveis nessa estação do ano, não é mesmo?

Por isso, use e abuse do hidratante para rosto e também para o corpo. Todos os tipos de pele devem receber hidratação em qualquer época do ano, mas no inverno esse cuidado deve ser redobrado. 

Vale lembrar que os banhos quentes não ajudam em nada, muito pelo contrário.

Pense com a gente, a barreira de proteção da pele já é prejudicada com temperaturas baixas, aí em um dia bem frio você resolve tomar banho super quentes, que também prejudicam essa camada protetora.

Já pensou o quanto essas mudanças bruscas de temperatura podem agredir a pele e aumentar a sua sensibilidade?

Água quente também aumenta a produção de sebo e acentua a dermatite seborréica e a oleosidade.

Então, já sabe né? A partir de agora só banhos mornos e nada de água pelando!

– Proteção solar

Algumas pessoas imaginam que o protetor solar só deve ser passado no verão, afinal, é quando sentimos mais os efeitos do sol.

Entretanto, a radiação tão temida e prejudicial à pele, também está presente nos raios de sol do inverno.

E vamos dizer ainda mais: o protetor solar deve ser usado também nos dias nublados e até para quem não sai no sol. 

Afinal, a luz azul também é capaz de causar o envelhecimento precoce e as rugas das quais tentamos fugir ao máximo.

Mas o fato de estarmos menos expostos ao sol, torna a estação ideal para realizar tratamentos de pele no inverno, como o peeling e o laser. 

Portanto, se essa é a sua intenção, aproveite!

– Cuidado com os lábios

A pele dos lábios é sensível e a primeira a sentir os sintomas da desidratação e das baixas temperaturas.

A saliva contribui para o ressecamento, então evite ficar passando a língua quando sentir sinais de ressecamento.

Carregue sempre um hidratante labial com proteção solar com você. 

– Beber água

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o consumo médio de, pelo menos, dois litros de água por dia para cada pessoa.

Outras organizações, como o sistema de saúde do Reino Unido, por exemplo, também respaldam a decisão de beber bastante água.

Segundo a organização, o recomendado é beber entre seis a oito copos de líquido por dia. Nesta conta estão incluídos leite com baixo teor de gordura e bebidas sem açúcar, como chá e café.

No verão, beber essa quantidade pode ser mais fácil, mas no inverno devemos nos lembrar de beber água mesmo quando o organismo não está pedindo.

A água traz benefícios à pele, mas também a todo o restante do organismo.

O que é bom pra pele ressecada no inverno?

Pele no Inverno - principais cuidados

Todas essas dicas são ótimas na prevenção da pele ressecada, mas também quando o órgão já está sofrendo com os efeitos do ressecamento.

Mas também existem mais algumas dicas que podem ajudar:

  • se você está sentindo os efeitos do ressecamento, opte por produtos que tenham vaselina em sua composição;
  • tome cuidado com o uso do sabonete, pois alguns possuem componentes que podem ressecar ainda mais a pele no inverno;
  • inclua na sua dieta, alimentos saudáveis e que contenham vitamina C, E, selênio, antioxidantes e isoflavona, nutrientes que ajudam a manter a pele bonita e saudável;
  • não esqueça de tomar cuidado com as extremidades do corpo, como mãos, pés, cotovelos e joelhos que podem ressecar com mais frequência nesta época do ano.

Em caso de dúvidas, ou problemas de saúde que precisam de um tratamento médico, como micose, psoríase e outros, não deixe de consultar um dermatologista.

Como podemos te ajudar?

A Dose Exata se preocupa com o seu bem-estar em qualquer época do ano. Por isso, nós temos uma série de produtos que podem te ajudar, desde hidratantes até suplementos que atuam complementando a alimentação:

  • hidratantes com ácido hialurônico, ideais para todos os tipos de pele;
  • suplementos que protegem cabelos, unhas e pele, perfeito para enfrentar a estação sem sentir os efeitos prejudiciais das baixas temperaturas;
  • creme hidratante para mãos e pés com manteiga de karité e silicone;
  • cremes e cápsulas de proteção solar e muito mais!

Confira os produtos da Dose Exata!

Conclusão 

Ter a pele desidratada no inverno é apenas um dos primeiros sinais que o nosso corpo emite para ter mais cuidado com as baixas temperaturas.

Além da desidratação, a derme também fica mais sensível e mais suscetível a alergias e descamações. Por isso, ela merece todo o nosso cuidado.

E aí, qual o seu segredinho de cuidado com a pele no inverno?

Esta gostando do conteúdo? Compartilhe!